18/03/2015

Uma noite a dois: detalhes de um momento especial

Não precisamos fazer algo romântico, gostoso e bonito em datas especiais, né?

Neste caso não foi uma data especial. Foi um dia comum, mas que pedia uma coisa especial.

Peguei uma bandeja daquelas de levar café da manhã a cama e acomodei taças de vinho, cestinha e torradas, geléias gourmet, requeijão e pratos+guardanapos.
Em uma travessa coloquei uma pastinha de cebola, pastinha de ricota com ervas, salmão defumado e peito de peru.

Repararam que foi tudo mais leve? É que marido está em dieta e para não fugir tanto coloquei coisas menos pesadas (antes eram queijos, pães, doces, etc).

Gostaram? Simples e gostoso!



2 comentários:

Ana Citadin Johann disse...

Martinha lindaaaa
Que legal essa delicadeza, a gente se sente presenteada com o sorrisão do maridão quando tem algo mais especial ocasiões inesperadas, né-não?
Faço isso de vez em quando e acho muito, muito legal.

Beijokas mil, querida.
Até breve! <3
http://brincandonaminhacasinha.blogspot.com.br/

Andréa disse...

Olá Marta!
Realmente não precisa ter uma data especial p/ fazer um café da manhã romântico.
Estar vivo é motivo de comemoração e ao lado de quem a gente ama melhor ainda.
Gostei da sua sugestão vou fazer p/ o meu amor, rsrs.
Só delícias!

Bjs, bom fds junto a sua família! ♥